Como Fazer Muda de Suculenta? Materiais e Passo a Passo Fácil

Publicado em e atualizado em: 07-10-2022.

Quer ter suculentas em casa, mas não sabe por onde começar? Não se preocupe! Neste artigo, vamos dar 7 dicas para que você possa fazer sua própria muda de suculentas, desde a escolha das plantas até o cuidado com elas. Siga as nossas dicas e você terá suculentas lindas e saudáveis em pouco tempo.

Para Suculentas

Escolha as Suculentas Certas

A primeira coisa a se fazer é escolher as suculentas certas para o seu clima. Suculentas são plantas que se adaptam facilmente a climas quentes e secos, mas cada espécie tem suas próprias necessidades. Algumas suculentas precisam de mais sol, outras de menos. Algumas são mais resistentes ao frio, outras não.

Pesquise sobre as suculentas que você quer plantar e certifique-se de que elas vão se adaptar bem ao seu clima. Se você mora em um lugar com invernos frios, por exemplo, escolha suculentas que sejam resistentes ao frio. Dessa forma, você evita que elas morram quando o tempo esfriar.

Suculentas Vasos Divertidos

Prepare o Solo

Depois de escolher as suculentas certas, é hora de preparar o solo. Suculentas precisam de um solo bem drenado para prosperar. Se o seu solo não drenar bem, as raízes das suculentas podem ficar encharcadas e acabar morrendo.

Uma maneira fácil de preparar o solo é misturá-lo com areia grossa. A areia ajuda a drenar o excesso de água do solo, deixando-o mais leve e arejado. Outra opção é comprar uma mistura para plantio de suculentas pronta. Essas misturas já vêm com os ingredientes certos para que as suculentas cresçam bem.

Painel De Suculentas

Regue as Muda de Suculentas

Depois de plantar as suculentas, é importante regá-las adequadamente. Suculentas são plantas adaptadas a climas secos, então elas não precisam de muita água. De fato, regá-las demais pode até mesmo matá-las.

A melhor maneira de regar suculentas é dar-lhes água apenas quando o solo estiver completamente seco. Isso geralmente significa regá-las uma vez por semana ou a cada 10 dias. Se você mora em um lugar com clima mais úmido, pode ser necessário regar as suculentas com menos frequência. O importante é não deixar o solo encharcado por muito tempo.

Foto De Orquidea Combinada Com Suculenta
Outro bonito arranjo com uma simples orquídea roxa e uma pequena suculenta

Coloque as Muda em Vasos

Depois de regar as suculentas, é hora de colocá-las em vasos. Suculentas crescem melhor em vasos do que no chão, pois os vasos drenam melhor o excesso de água. Além disso, as suculentas ficam mais protegidas dos insetos e doenças quando estão em vasos.

Escolha vasos que sejam um pouco maiores do que as raízes das suculentas. Isso dá às plantas espaço para crescer e se desenvolver. Coloque uma camada de pedras no fundo do vaso para drenar a água e evitar que as raízes fiquem encharcadas. Depois é só colocar as suculentas e preencher o vaso com a mistura de solo adequada.

Imagem Ilustrativa De Suculentas Para Escritorio Comercial
Suculentas – uma das melhores plantas para decorar a mesa de um escritório comercial

Adube as Suculentas

As suculentas também precisam de adubo para crescer bem. O adubo fornece nutrientes essenciais às plantas, que ajudam a promover o crescimento saudável e vigoroso. Escolha um adubo orgânico natural, como esterco de vaca ou composto de folhas.

Adube as suculentas uma vez por mês durante a primavera e o verão. No outono e inverno, reduza a frequência para uma vez a cada 2 ou 3 meses. Aplique o adubo na superfície do solo e depois regue para que ele seja absorvido pelas raízes das plantas.

Suculentas Prateleira

Cuidado com o Sol

As suculentas também precisam de sol para crescer bem. Elas geralmente prosperam em ambientes ensolarados, mas algumas espécies podem tolerar sombras parciais. Pesquise sobre as necessidades específicas da suculenta que você escolheu antes de plantá-la.

No geral, é melhor evitar que as suculentas fiquem em ambientes muito quentes ou abafados. O calor excessivo pode causar queimaduras nas folhas das plantas e até mesmo matá-las. Se possível, mantenha as suculentes em um local ensolarado, mas com boa ventilação.

Poda as Suculentas

Por último, mas não menos importante, pode as suculentas para mantê-las saudáveis e bonitas. A poda remove as folhas danificadas ou doentes das plantas e também estimula o crescimento saudável das novas folhas.

Pode as suculentas uma vez por ano no início da primavera. Use tesouras afiadas para cortar as folhas danificadas ou doentes na base da planta. Depois é só esperar que as novas folhas cresçam para que a planta volte a ficar bonita e saudável!

1. O que são suculentas?

Suculentas são plantas com folhas carnudas e geralmente espinhosas, que se adaptam bem a ambientes com pouca água. Elas são perfeitas para quem tem pouco tempo ou espaço para cuidar de plantas, pois são fáceis de cultivar e requerem pouca manutenção.

2. Por que as suculentas fazem tanto sucesso?

As suculentas fazem tanto sucesso porque são plantas versáteis e fáceis de cultivar. Elas podem ser cultivadas em vasos, jardineiras ou até mesmo em jardins verticais, além de serem perfeitas para ambientes com pouca luz ou sem iluminação artificial.

3. Quais são as principais vantagens de cultivar suculentas?

Além de serem fáceis de cultivar, as suculentas também são plantas resistentes e duradouras. Elas podem ficar sem água por longos períodos e ainda assim continuam bonitas e saudáveis. Algumas espécies até mesmo toleram o calor do sol direto, o que as torna ideais para ambientes quentes e secos.

4. Como escolher as melhores mudas de suculenta?

Para escolher as melhores mudas de suculenta, é importante verificar se a planta está bem formada e sem doenças. Também é importante escolher um local adequado para plantá-la, pois algumas espécies preferem ambientes mais claros enquanto outras toleram sombras. Outra dica é verificar o tamanho da muda, pois algumas espécies crescem mais que outras.

5. Quais são os cuidados básicos com as suculentas?

Os cuidados básicos com as suculentas incluem regar a planta apenas quando a terra estiver seca, adubar uma vez ao ano e proteger a planta do excesso de luz solar direta. Também é importante verificar se há insetos na planta e removê-los caso necessário. Algumas espécies também precisam ser repotadas periodicamente para continuarem crescendo saudáveis.

6. Como regar uma suculenta?

Regar uma suculenta é um processo simples: basta colocar água na base da planta uma vez por semana. É importante não exagerar na quantidade de água, pois isso pode causar problemas nas raízes da planta. Se possível, use água da chuva ou da torneira filtrada para evitar cloro e outros elementos químicos presentes na água da rede pública.

7. Qual a melhor maneira de adubar uma suculenta?

A melhor maneira de adubar uma suculenta é utilizando fertilizantes orgânicos líquidos (como esterco bovino ou compostagem) diluir em água na proporção recomendada pelo fabricante (geralmente 1 parte fertilizante para 10 partes de água). Aplique este fertilizante uma vez por mês no solo da planta e regue normalmente após a aplicação do produto.

8. Quais são as principais doenças das suculentas?

As principais doenças das suculentas são o mofo branco, que causa manchas brancas nas folhas da planta, e o oídio, que causa manchas amareladas e esbranquiçadas nas folhas. Outra doença comum é a podridão das raízes, que pode ser causada por excesso de água ou falta de drenagem no solo.

9. Como prevenir doenças nas suculentas?

Para prevenir doenças nas suculentas, é importante manter a planta bem iluminada e arejada (sem luz solar direta) e utilizar um solo bem drenado. Também é importante não exagerar na quantidade de água, pois isso pode causar podridão das raízes. Além disso, é importante remover insetos e outros animais da planta para evitar que transmitam doenças.

10. As suculentas precisam de muito cuidado?

Não! As suculentas são plantas fáceis de cultivar e requerem pouca manutenção. Elas podem ficar sem água por longos períodos e ainda assim continuam bonitas e saudáveis.

Compartilhe nas Redes Sociais! :)

Facebook Twitter Pinterest Whatsapp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *