10 Dicas Fundamentais para a Segurança das Crianças em Casa!

Segurança infantil dentro de casa não é problema. Há várias formas de assegurar que sua casa seja divertida e estimulante, mas também segura para as crianças, enquanto elas crescem e se desenvolvem de forma alegre e saudável.

Promovendo a segurança das crianças dentro de casa

Um ambiente seguro para adultos pode não ser seguro para crianças, oferecendo a elas vários riscos. Mas você pode manter seu filho longe perigos descobrindo quais são os riscos que ele corre dentro de casa prevenindo-os ou os removendo.

Mas mesmo quando você acha que acabou com todos os riscos de acidentes domésticos, a realidade é que as crianças ainda podem escorregar e cair, por exemplo. Por conta disso que, em primeiro lugar, a supervisão é o principal pra que as crianças estejam livres de acidentes em casa.

Ainda, quando sua criança começa a crescer e aprende a escalar e abrir coisas, você deve ficar alerta para novos riscos. Você provavelmente vai precisar fazer mudanças no ambiente pra garantir a segurança do seu pequeno, mas isso não vai te impedir de proporcionar a ele um espaço continue livre para a criança continuar a brincar e a explorar.

Junto disso tudo, você deverá também ter paciência e empenho em ensinar seu filho sobre o que é seguro e o que é perigoso, impondo-lhe alguns limites.

Se a criança tem um espaço próprio para brincar e explorar, com muitas coisas interessantes pra fazer e pra olhar, ela estará menos inclinada a buscar estímulos externos em áreas as quais você não quer que ela visite ou permaneça.

brinquedoteca infantil evita acidentes domésticos
Se possível, tenha um espaço destinado exclusivamente à criança

Prevenindo quedas

As quedas são uma das causas mais comum de machucados e visitas e hospital entre os pequenos.

Você pode ajudar seu filho a ficar mais seguro prestando atenção nos seus passos e por onde ele anda, escala etc. e, a partir daí, partir para algumas adaptações dentro de casa:

  1. Instale cercas de proteção em escadas e varandas, e sempre esteja por perto quando o pequeno estiver trafegando por esses espaços.
  2. Tranque janelas – especialmente as que são mais altas, pois aguçam a curiosidade da criança –, ou as proteja com redes de proteção para que sua criança sofra o risco de uma queda fatal.
  3. Tenha luzes de baixa potência espalhadas pela casa através de luzes noturnas, por exemplo, para que durante a noite seja mais fácil vigiar ou encontrar a criança.
  4. Deixe a luz do corredor acesa durante a noite, ou use sensores de movimento para facilitar o momento em que crianças maiores acordam de noite para ir ao banheiro, evitando escorregões e tropeços.
cerca de segurança infantil para porta
Cercados impedirão a criança de entrar onde não deve
janela com grade de proteçao infantil
Protetores pra janelas evitarão acidentes graves
luz noturna de tomada para quarto infantil
Luz noturna é uma boa pedida para quarto de bebês ou crianças pequenas
luzes led para tomada pra iluminar corredor
Existem LED’s para tomadas que podem ser usados no corredor

Evitando queimaduras

Para evitar acidentes com fogo, deixe sua criança longe do fogão e de outras fontes de calor. Fique de olho sempre que a criança estiver por perto de itens que podem queimá-la – fornos, micro-ondas, ferro de passar roupa, dentre outros.

criança perto do fogao pode sofrer queimaduras graves
Mantenha as crianças longe do fogão, elas podem se queimar gravemente

Bebidas quentes e banhos muito quentes também são causas de queimaduras, embora menos graves, nos pequenos. Para evitar que isso aconteça, é simples:

  1. Mantenha recipientes contendo bebidas quentes bem longe do alcance dos pequeninos.
  2. A água que deve ser usada no banho da criança não pode apresentar temperatura superior a 50 graus Celsius. E se lembre que, ainda assim, você deve misturar a água quente que sai da torneira com água fria para acertar na temperatura do banho de bebês e crianças.

Como evitar envenenamento

Envenenamento é uma causa comum de lesões em crianças com menos de 5 anos, e o envenenamento normalmente ocorre a partir da ingestão de produtos de limpeza e remédios. Por isso:

  • Remova esse tipo de item do alcance da criança.
  • Guarde produtos de limpeza e remédios num local que ela não possa alcançar, de maneira alguma.
  • Coloque travas de segurança em gavetas e armários onde você estoca esses produtos para que a criança, caso tente abri-los, não consiga.
trava para gavetas e armarios para proteger crianças do perigo
Trava para gavetas e armários – desse jeito a criança não consegue abrir

Prevenindo estrangulamentos e sufocamento

É comum os lares possuírem itens e acessórios que podem estrangular ou asfixiar uma criança. Entre esses objetos incluímos pilhas de roupas, brinquedos pequenos, pelúcias, fios, cordas, acessórios de cozinha, dentre vários outros. Para evitar que esse tipo de risco se realiza, é fundamental:

  • Deixe brinquedos de pelúcia, almofadas e pilhas de roupas longe de berços e carrinhos de bebê, pois embora o risco seja menor para crianças maiores, o perigo de sufocamento para um neném é real.
  • Prenda os cabos de persianas na parede numa altura mínima de 1,6 m acima do nível do chão.
  • nós em sacolas plásticas e evite que elas estejam ao alcance das crianças.
sacola plastica perigo de sufocamento infantil
A criança pode colocar a sacola na cabeça e morrer sufocada, por isso, dê nó nos sacos

Evitando acidentes com água

Neste caso, depende-se 100% da supervisão dos pais. Sempre que a criança estiver próxima da água – piscina, rios, banheiras, baldes de água etc., é fundamental haver um adulto por perto.

No banho, sempre esteja junto de bebês e crianças com até 5 anos e jamais deixe-os sob supervisão de outras crianças, porque elas podem se desesperar diante de um acidente não conseguir ajudar a criança menor.

crianças na piscina com adulto para evitar afogamentos
Na piscina, as crianças devem sempre estar acompanhadas de um adulto

Como você percebeu, a nossa casa apresenta vários riscos para os pequenos – isso porque nem listei todos, já que os perigos são praticamente ilimitados – e o mais importante é sempre estar por perto deles na intenção de evitar um acidente doméstico.

Para encerrar a matéria, fizemos esse infográfico com algumas das dicas tratadas nesse post, se você tiver gostado, compartilhe para que mais pessoas conheçam essas importantes informações!

infografico com dicas para manter as crianças seguras e livres de acidentes domesticos
Infográfico com 10 dicas para a segurança doméstica das crianças – COMPARTILHE!
Este artigo te ajudou? Esperamos que sim! Compartilhe isso para o mundo: Obrigada! 😘

Comente! Pergunte! Relate! Sugira!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pin It on Pinterest